26.9.08

SÍNDROME DA EXCITAÇÃO SEXUAL PERMANENTE.


Britânica de 24 anos diz ter 200 orgasmos por dia
Ela trabalha em um salão de beleza, e a vibração dos secadores a deixa maluca.Mulher é portadora da síndrome da excitação sexual permanente.
A britânica Sarah Carmen, de 24 anos, afirmou ao jornal "News of the World" que costuma ter até 200 orgasmos por dia. Sarah diz ficar excitada com praticamente tudo: o balançar dos trilhos do trem, o vibrar de um secador de cabelos, o ritmo de uma máquina de xerox... Tudo faz ela chegar lá. Durante uma entrevista de 40 minutos, ela teve cinco orgasmos, segundo o jornal britânico. Isso porque falar de sexo também faz a moça ver estrelas. Sarah sofre de uma doença chamada síndrome da excitação sexual permanente, que faz com que os órgãos sexuais tenham um fluxo sanguíneo maior do que o normal.
Saiba mais
"Às vezes eu faço tanto sexo para tentar me acalmar que fico entediada", diz ela. "Os homens com quem eu durmo não fazem muito esforço porque chego ao clímax muito facilmente."
A moça desenvolveu a síndrome após um médico receitar a ela antidepressivos, quando tinha 19 anos. "Em poucas semanas eu comecei a ficar mais e mais excitada por mais e mais tempo e simplesmente passei a ter orgasmos múltiplos", afirma. "Isso começou na cama, em que as sessões de sexo duravam um tempão e meu namorado ficava atônito de ver quantas vezes eu chegava ao orgasmo."
Depois, segundo ela, o clímax chegava após o sexo, quando ela pensava nas coisas que tinha feito na cama. "Em seis meses, eu já estava tendo 150 orgasmos ao dia - e eles chegam a 200."
Ela e o namorado romperam, e novos parceiros suaram para dar conta da demanda. "Geralmente me preparo para ter quantos orgasmos eu puder, porque só aí posso ter um pouco de paz", diz.
Sarah é esteticista e trabalha em salões cheios de secadores de cabelo e aparatos de tratamento de pele que causam problemas a ela. Quando começa a tossir e corre para o banheiro, as colegas já sabem o que fazer: oferecer um chá ou uma revista às clientes dela. "Às vezes, eu queria ter apenas uma vida normal."
As mulheres que sofrem da síndrome de Sarah sentem constantemente as contrações rítmicas musculares que o orgasmo provoca. A doença é tão rara que alguns especialistas já zombaram dela.
Até hoje, nenhuma explicação científica satisfatória foi dada, mas acredita-se que a causa seja alguma inflamação ou infecção na área pélvica que estimula os nervos do clitóris. Há psiquiatras que acreditam que a síndrome seja um sintoma de alguma crise emocional - como se um coração partido se expressasse por meio de sensibilidade genital.
De qualquer forma, os médicos afirmam que quem é portador da síndrome da excitação sexual permanente sofre tanto fisicamente quanto psicologicamente - e precisa de ajuda médica

16 comentários:

GUILHERME PIÃO disse...

E quem não tem este tipo de excitação, também precisa de médico ?
Ao meu ver é melhor te-los do que não te-los....ehehe
Abraços

Peguei na rede... disse...

Gracejos à parte, mas, ainda bem q ela não trabalha numa lavanderia. Já pensou toda akela tremedeira das centrífugas. Vixi!

Carla disse...

Nunca pensei que poderia dizer isso, mas: coitada!
Sexo nunca é demais, mas... nesse caso, sempre sozinha?
Você tá numa reunião de trabalho e, de repente, aiiiiiiii!
Seria cômico se não fosse trágico!
Bjo.

NELIO disse...

lol 200???? ´nosssssssssssssssssssssa imagino que a moça nem possa andar de avião......um beijão pra ocêeeeeeeeee

Cadinho RoCo disse...

Impressionante. Nunca ouvi, li tive notícia disso. Estou impressionado. Um homem com uma síndrome dessa morre. Não consigo sequer imaginar 200 ereções/dia.
Cadinho RoCo

cris disse...

Hahahahahahaha...
Ai, 200 é muito mesmo, mas uns cinquenta seria de dar inveja hein?
Hahahahahaha, nem sei se é coitada ou sortuda! Porque a maioria reclama é do contrário =S

Beatriz disse...

Oi, Rose!Pelo jeito está tudo bem com você.Estive um pouco afastada, mas não me esqueci de vocês. Foi falta de tempo, mesmo. Espero, não ficar mais tanto tempo sem visitá-los. E quanto a esta mulher, será que, na hora que precisar mesmo, vai estar inteira ou decepcionará o companheiro? Se é que ela precisa de um.........
Beijos!!!!!!!

Tânia Defensora disse...

Eu queria saber o nome de um, unzinho so desses antidepressivos que ela tomou...

Espaço do João disse...

Só 200? E eu a pensar que era só a baleia que tinha tantas excitações!! Imagina que o macho chega a ter 6 ton. de espérmen por cada ejaculação. Vejam logo o rio que se formava na rua dessa cabeleireira.Para mim uma vez por dia já chega a ser cansativo.hehehe
Beijinhos Papai joão

Sahmany disse...

Poderosa a dona heim?
kkkkkkkkkkkkkkkkk
Beijos

anete joaquim disse...

Descobres cada coisa, rose! Tadinha da mulher! Isso é o que se chama "andar a trepar pelas paredes". Não lhe invejo a sorte! Uma beijoca muito grande para ti, minha querida. Aconselho-te a não invejares essa mulher e a et contentares com os orgasmos que vais tendo, ahahahah. Qualidade, menina! Qualidade é melhor do que quantidade.

Roberta Cristina Lopes disse...

Caramba...ter ou não ter...eis a questão...kkkkkkkkkkk
Eu fco com a Cris...50 até seria um número aceitável...mas 200????
Judiação....Haja físico né?
Bjos

Anônimo disse...

Eu sei bem oque é isso,
acreditem é barbaro

Amanda Vasconcelos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Amanda Vasconcelos disse...

Garanto que nin guém aqui deve invejar essa situação. Sofro disso e digo q não é legal, vc ñ tem sossego, vc ta ali conversando com seu pai e do nada começa a sentir um orgasmo, ta comendo e novamente e por aê vai várias situações horríveis. Orgasmo é ótimo mas na hora, no lugar certos e de preferência acompanhada.

Amanda Vasconcelos disse...

Garanto que ninguém aqui deve invejar dessa situação. Sofro disso e digo que não é legal, vc ñ tem sossego, vc ta ali conversando com seu pai e do nada começa a sentir um orgasmo, ta comendo e novamente, e por aê vai várias situações horríveis. Orgasmo é ótimo mas na hora e no lugar certo e de preferência acompanhada.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...