23.4.09

CAPUCHINHA

Maravilha da manhã.Bem-te-vi. Sabe quando você não dá atenção para algumas flores?Foi o caso da capuchinha.Nunca me interessei em cultivar essa flor.Quando vi o jardim da casa da minha mãe infestado com essa erva daninha_sim, é uma erva daninha comestível_ fiquei apaixonada.Agora o que faço é admirar e adquirir mudas e sementes.Estas são umas das mudinhas que ganhei .Agora é só esperar as maravilhosas flores que semeei .




FLOR E CULTURA

Durante a primavera de 1994 sob a inspiração do filme"como água para chocolate", revistas, jornais e programas de tv abriram espaço para um assunto muito interessante:Comer flores.

A capuchinha (Tropaeolum majus)entrou para o cardápio. Também conhecida popularmente como chagas, flor-do-sangue e agrião-do-méxico. O nome "flor-do-sangue", aliás, provavelmente surgiu da fama que a planta adquiriu como anti-anêmica. Sabe-se, também, que a capuchinha é muito usada no tratamento contra o escorbuto (carência de vitamina C).
A capuchinha (ou chagas) pertence à família das Tropaeoláceas, é nativa do Peru, México e regiões da América Central. Trata-se de uma planta herbácea que pode ser usada como forração, como planta escandente ou cultivada de forma que tenha condições de enrolar os pecíolos das folhas em algum apoio. Apresenta folhas arredondadas, com longos pecíolos e flores isoladas, em forma de cálice, nos vários tons que vão do amarelo claro ao vermelho, passando pelo alaranjado. Tanto as folhas como as flores apresentam seiva de sabor picante, muito parecido ao do agrião.

3 comentários:

Carla disse...

Capuchinhas são lindinhas, Rose!
Confesso que já comi, um dia desses, pétalas de rosa!
Achei meio adocicadas, gostei, mas não sei se comeria no dia a dia!
Ah! Joelhinho esfoladíssimo, kkkk!
Bjoca.

Roberta.rj disse...

Eu só aprendo quando venho aqui...
Me lembra minha mãe, que tem tantos cuidados com suas plantas...
Eu não entendo nada disso,mas adoro ver um jardim bem cuidado. Fico aqui imaginando o quanto o seu deve ser lindo com tanto zelo...
PARABÉNS!!!
Bjus mil!!!

Sandra disse...

Boa noite Rose...Hoje quando lí essa sua postagem,fiquei surpresa...Menina do céu,aquí em meu jardim em meio aos meus canteiros,essa"plantinha" quando dava o ar da graça,eu as arrancava,pois como todos sabemos,são na verdade ervas-daninhas...Mas o que eu nunca imaginei,é que elas florissem.Pôxa vida,vivendo e aprendendo mesmo!
Vou observar melhor agora e deixá-las florir!
Grata pela informação!
Abração e beijãozão.Té+ver!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...