5.9.07

WABI SABI




WABI SABI... A ARTE DA IMPERFEIÇÃO.É A EXPRESSÃO JAPONESA PARA DEFINIR A BELEZA QUE MORA NAS COISAS IMPERFEITAS.

NA VERDADE WABI SABI É UMA MANEIRA DE VER AS COISAS ATRAVÉS DA SIMPLICIDADE E NATURALIDADE.
CONTAM QUE O CONCEITO SURGIU POR VOLTA DO SÉCULO 15.
UM JOVEM CHAMADO SEN NO RIKYU(1522-1591) QUERIA APRENDER O COMPLICADO RITUAL DO CHÁ.E FOI PROCURAR O GRANDE MESTRE TAKENO JOO QUE PARA TESTAR O JOVEM RIKYU MANDOU QUE ELE VARRESSE TODO O JARDIM.
TODO FELIZ , O JOVEM LIMPOU E NÃO DEIXOU NADA FORA DO LUGAR. TUDO FICOU PERFEITO E ORGANIZADO, IMPECÁVEL: AS PEDRAS NOS LUGARES, AS PLANTAS CAPRICHOSAMENTE AJEITADAS, ATE TODA A AREIA VARRIDA, TUDO MUITO LIMPO.ANTES DE MOSTRAR O TRABALHO FEITO AO GRANDE MESTRE, ELE CHACOALHOU O TRONCO DE UMA CEREJEIRA E CAÍRAM ALGUMAS FLORES DE FORMA DISPLICENTEPELO CHÃO.MESTRE JOO FICOU IMPRESSIONADO COM AQUILO E ADMITIU O JOVEM RIKYU NO SEU MOSTEIRO.
RIKYU VIROU UM GRANDE MESTRE DO CHÁ E É REVERENCIADO COMO AQUELE QUE ENTENDEU O WABI SABI:A ARTE DA IMPERFEIÇÃO.

8 comentários:

Cris Bolbosa disse...

Rose, não conhecia o Wabi Sabi. A perfeição não existe, certo? E para quê, assim não tinha interesse. Gostei muito da história.
Cris

anete joaquim disse...

Também não conhecia esta expressão, mas encaixa-se na minha filosofia de vida. Acho uma beleza estranha nas coisas imperfeitas ou não tão perfeitas quanto o desejado e, talvez por isso, gosto de pessoas. Cada uma, a seu modo, tem o seu quê de imperfeição que a torna única. Eu, pelo menos, sinto-me assim. Detestaria ser perfeita!
Um beijão, rose.

Sweet disse...

Mas o Wabi Sabi é muito giro, talvez não seja perfeito mas é muito agradável

rose disse...

Cris,
O interessante nessa arte é justamente o efeito da diferença...mas pro lado imperfeito.

Anete,
é uma pena que wabi sabi não se encaixe nas pessoas...mas pensando bem...até que dá prá pensar no assunto.


sweet,
descobri que sou apaixonada por isso, sempre acho algum detalhe nessa categoria e acho fascinante.

Espaço do João disse...

Quem disse que a perfeição não existe? Conforme o lado por onde se vê. O que não é perfeito para uns poderá ser a coisa mais perfeita para outros. A perfeição é como o " amor ". Quantas vezes olhei para as pinturas do Picasso e não via nada , no entanto ouvi muita gente a dizer! Que lindo, perfeito...

rose disse...

olá, joão.
Tudo entendo, mas a imperfeição dessa arte nos temos a obrigação de vê-la, sabe porque?Ela é escancarada, é diferente, é o feio no meio de muita beleza isso só vale em termos de decoração. Um bom exemplo:
Um jardim perfeito, todo em harmonia e de repente...lá está um carrinho velho, ou mesmo uma roda de engenho ou mesmo um vaso de barro bem cheio de musgo. entendeu?

Lúcia Helena Moura disse...

Rose, bonito isto!
Valoriza o que é diferente. Conhecia uma estória que valoriza a perfeição, a unidade mas não esta WABI-SABI.
Gostei muito, um abraço. Lucia

João Gomes disse...

Gostei muito desta história Rose.
Não conhecia, mas pensando, faz todo o sentido, realmente um pouco de acaso, de natureza é que torna as coisas em equilíbrio, e, as torna diferentes de todas as outras...
Bela história.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...